Escola de Filosofia Chinesa - Integrada a Wu Xing Clínica

História

História

Nossa história inicia em agosto de 2007, quando um grupo de estudantes de medicina tradicional chinesa, começou organizar uma instituição voltada à divulgação da filosofia oriental, especialmente da China.

De inicio pensou-se em uma escola. Logo em seguida, caminhou-se para o que é hoje a Escola de Filosofia Chinesa Ltda, dedicada ao ensino dos hábitos culturais do Velho Mundo.

Não se pode pensar filosofia, como se faz no ocidente, como disciplina que serve apenas de critica às demais áreas do conhecimento humano, mas como busca da verdade das teorias, sabendo-se que estas somente são verdadeiras quando confirmadas na aplicação concreta.

O conhecimento teórico  deu mais um passo, na área da saúde, para exercitar a medicina tradicional chinesa, baseada no principio taoísta, segundo o qual, o Homem deve pautar sua vida observando e respeitando as regras da Natureza, na qual se insere. Sem isto haverá o caos.

Na visão chinesa, a medicina deve fazer com que o Homem ajude ao próprio Homem, a Natureza ajude o homem e que o Homem se auto - ajude.

A medicina tradicional chinesa não pode ser considerada como alternativa e nem complementar, porque seus princípios são à razão do ser humano e podem ser aplicados com a mesma eficácia de qualquer outro, no sentido de vida longa com saúde. Trata sempre as causas ( e não os sintomas, como faz o ocidente). Observa o organismo ( e não as partes do corpo, como fazem cardiologistas, urologistas, gastro, etc, no ocidente).

A base é o materialismo-dialético na medicina, sabendo-se que o organismo está em permanente movimento, sofrendo ação e promovendo reação.  Tratando o órgão deficiente, tratata estará a viscera correspondente. 

E, para alcançar esse propósito, o homem deve comer  alimentos  para manter boa saúde antes de tentar tomar ervas naturais para o mesmo propósito; deve tomar ervas naturais para manter boa saúde antes de recorrer a remédios químicos; e deve tomar remédios químicos para manter boa saúde antes de ser submetido a operações cirúrgicas, o último recurso.

Nossa história é, pois, a busca do equilíbrio humano, tratando, quando for o caso, as causas do desequilíbrio, as quais provocam síndromes físicas, sociais ou biológicas (doenças).